22 de dez de 2011

Antes-depois nº 3

10 dias sem escrever aqui.... o tempo está voando. Nesse fim de dezembro as coisas ficaram muito apertadas e nem tempo para academia eu estou tendo. Espero que na semana que vem eu possa ir. 
E dá-lhe festas de fim de ano! Pelo amor de Deus! O povo deveria dividá-las em suaves prestações ao longo do ano: aniversário, formatura, confraternização, inauguração... pra que tanto!
O bom disso tudo é eu ir e me sentir bem!
Como emagrecimento é uma fórmula matemática de "consumo versus gasto", separei duas horas de hoje para refazer e organizar o arsenal. Veja a foto abaixo:


 
Além da força que recebo aqui no blog, de uns 20 dias para cá tenho colhido muitos elogios. Vários me param para perguntar qual é a fórmula. O que parece uma coincidência, é quando eu entro numa fase baixo astral, olhando para as dificuldades do caminho, aí aparece algum enviado do céu com frases assim: "Oh magrelo!", "Nossa, nem te conheci!", "Uai! É você?!"... entre outras. Pra mim isso funciona como uma carga na bateria.

Outro dia, fui a um evento e meu sobrinho estava me procurando no local. Depois de um certo tempo, me achou e disse: "O tio, eu estava te procurando tendo aquela imagem sua na minha mente". Ou seja, ele quis dizer que me procurava com os meus quase 130kg.


12 de dez de 2011

Fim de Semana

Na sexta-feira fomos uma festa de formatura. Sabendo disso durante o dia regulei muito as calorias. Tudo ótimo! Agluns salgadinhos acompanhado de ÁGUA. Tenho evitado ao máximo os refrigerantes, mesmo os lights. Quero parar de gostar desse tipo de bebida. Tem dado certo. Não faz falta! Nos divertimos. Me senti bem na roupa.

No sábado fomos convidados para ir ao clube e lá fomos nós. Aproveitei de fiz minha AF: 6 voltas no campo de futebol society e algumas braçadas na piscina.
O gostoso também foi descer no toboágua! Olha eu ali!


Pois é! A última vez que eu fiz isso foi há 14 anos. No sábado me senti como um menino e fazendo farra com os dois filhos. Meus Deus, como a obesidade nos priva de coisas tão simples!

Outro dia fui a uma apresentação de balé da minha filha. Encarei as cadeiras de PLÁSTICO sem medo. Afinal todo obeso sabe que aquilo é "o envido de satanás" para o constrangimento daquele que está muito acima do peso...rs. E de quebra me sentei no meio e tive que passar no corredor apertado sem me preocupar em incomodar as pessoas.

É dessas coisas simples que estou falando. Para quem está acima do pesso todas esas situações (e tantas mais) são uma agonia interna e causam muita tristesa.


Vejam minha lancheira. Ainda estou me acostumando a levá-la para o trabalho: manga, banana com MUITA canela e maçã.


Vamos em frente! 
Enquanto houver vida, há esperança.

7 de dez de 2011

Analisando

Li no blog da Beth: "Não cometia grandes traições, mas traía de levinho…rs O que no final das contas dá no mesmo."

É preciso ter cuidado com as permissões. Devagar elas vão aumentando e vira uma balburdia. Quando faço um raio X vejo que também, tenho feito pequenas traições.

Estou com muitas dificuldades de fracionar as refeições. Preciso me policiar para trazer frutas para o trabalho e assim comer a cada 3 horas. O que acontece é que fico 4 ou 5 horas sem comer, principalmente após o almoço e daí a fome enorme, não me permitindo fazer boas escolhas. Acredito que daí vem o meu empacar no peso. Vou me concentar nisso, visto que outros hábitos GRAÇAS A DEUS já estão intalados: atividade física, consumo de frutas, cereais inegrais, fibras, chás e água.

"Primeiro formamos nossos hábitos,
depois os hábitos nos formam
"

John Dryden

1 de dez de 2011

Tchau, novembro!


Não me perguntem como, só sei que subi na balança (duas vezes) e marcou 98,4Kg.
Talvez aquele último peso foi resultado de tantos anti-inflamatórios que tomei e, cá pra nóis, uma pouco de escorregões.
Tô feliz. Porém, acho que, pelo grande esforço que fiz esses dias, poderia ter chegado a pelo menos 97,5.
Talvez a massa magra está fazendo peso. Tenho notado alguns músculos mais rígidos: ombros, peito, bíceps, tríceps, pernas e glúteos... mas, como a maioria de nós, quero ver o peso baixando, as roupas ficando mais largas, etc. Por isso, este mês continuo a perseguir os 97 como meta.
Estou conciderando a possibilidade de uma consulta com um nutricionista. Fico me perguntando se algum nutricionista consegue elaborar um esquema alimentar sem aqueles produtos "finérrimos" que só encontramos na seção "classe A" nos supermercados: presunto de peito de peru criado com ração enriquecida com uvas da argentina, ricota maturada nos andes, iogurte light feito de leite de vaca que só ouve música clássica...rs.rs....... Ah, gente, eu não aguento tanta frescura!
Até hoje meus 30 quilos eliminados foram através de muita atividade física e uma alimentação balanceada, porém, sem frescuras. O mais caro que compro são os meus cereais para a mistura que faço, mesmo assim duram quase 60 dias. O resto é MATO, coisas VERDES e integrais, frutas da época (mais baratas).Hoje, por exemplo, meu café foi um suco: 1/2 inhame, acerola, cereais, um pedaço pequeno de berinjela e uma colher de leite de soja. DELÍCIA! Mais tarde comerei uma banana e almoçarei como de sempre: muito verde!
Agradeço a companhia de todos. Vou providenciar mais um "antes-depois" pra mim também é motivador.