30 de mar de 2009

Diário Alimentar



Deve ter sido muito bom o Câmera Record de sexta passada...rs. Havia colocado até um lembre no celular, mas, não deu pra assistir (Se alguém tiver um link para o vídeo do programa, por favor me passe). Fui convocado às pressas para uma conferência sobre Atividade Maxilar Flagelativa da Carne. Traduzindo: Churrasco com Amigos.

Aliás, os festejos começaram na sexta e só terminaram no domingo, porque minha mãe voltou das prolongadas férias na casa da vovó. Então, fomos (eu, esposa e filhos) para as boas-vindas. Que disposição! Mas, não deixei de lado as atividades físicas. Caminhei 6 km no sábado; hoje pela manhã, fiz exercícios localizados em casa já que estava com o tempo apertado... não posso deixar a preguiça montar.

Abaixo segue uma tentativa de anotar o meu cardápio. Não consigo fazer essas anotações. Admiro quem consegue. Mas, dá pra ter uma referência de como me alimento... muito! Às vezes inverto o lanche da noite com o jantar, outra dia como só frutas após às 18h. Não fico preso. A regra pra mim é comer com qualidade. Quando falo para as pessoas o que como, alguns ficam admirados. Veja e se quiser, opine.


06h: 1 babana

7:50 - Café da manhã: A) 1 fatia de pão integral ligth com pasta de gergelim + 2 colheres (sopa) proteína de soja + 1/2 tomate + 2 cebolinhas B) 150ml de leite desnatado com 1 colher do Meu Cereal* + 2 ameixas secas.
* Meu Cereal: aveia, farelo de trigo, farinha de linhaça, castanha de cajú moída, uva passa e fibra de maracujá.

Lanche: Não (Me distraí com o trabalho. Não façam isso em casa!)

12:30 - Almoço: A) 1 colher de arroz. B) 1 colher (arroz) de feijão. C) 3 colheres (arroz) de vagem refogada com ovo e tomate D) 3 colheres (sopa) abacaxi picado E) 1/2 colher (sopa) de farinha.

16h - Lanche: 1 barra de cereal + 1 copo 200ml suco maracujá.

18:40 - Lanche: 2 biscoitos cream craker light.

20h - Jantar: 6 colheres (arroz) de vagem refogada com ovo e tomate.

Líquido durante o dia: 2,5 litros (incluíndo água e chá).

27 de mar de 2009

"Estamos" na TV

É hoje, às 22:45h, Câmera Record.
Avise a todos!
Vamos prestigiar nossas colegas lights!!!

Texto extraído do site do programa:

"Você já ouviu falar em grupos de ajuda para emagrecer? Nossos repórteres acompanharam o encontro de um grupo de mulheres acima do peso. O objetivo? Discutir dietas e dividir experiências. Elas já tentaram de tudo, de simpatia à hipnose. Cansadas de seguir conselhos de leigos, hoje se reúnem com a musa inspiradora, Kelly, a mulher que depois de perder 70 kg, criou um blog e virou "guru" das gordinhas que quererem entrar em forma."

Gente, quem é Kelly? Ela tem blog? Qual o endereço?

26 de mar de 2009

Fracasso

Durante as minhas atividades físicas sempre levo de companhia o rádio/MP3. Ontem, ouvindo o Primeiro Programa (Transamérica, de 6h às 8h) – sou fã desse programa – ouvi esse texto que me fez pensar muito. Pensei em postar aqui por achar que tem muito a ver com nossa luta a favor de uma vida saudável. Corri no site do programa gravei o áudio e transcrevi:

Para se tornar a pessoal que você deseja ser, elimine de uma vez por todas o problema persistente chamado Medo do Fracasso.

Fracasso não significa que você é um fracassado, significa que você ainda não teve êxito;

Fracasso não significa que você tem sido tolo, significa que você teve muito otimismo;

Fracasso não significa que você foi desacreditado, significa que estava disposto a tentar;

Fracasso não significa que você tem falta de capacidade, significa que você deve fazer algo de modo diferente;

Fracasso não significa que você é inferior, significa que você não é perfeito;

Fracasso não significa que desperdiçou sua vida, significa que têm motivos para começar de novo;

Fracasso não significa que você deve desistir, significa que deve lutar com maior afinco;

Fracasso não significa que jamais alcançará a sua meta, significa que vai levar um pouco mais de tempo;

Fracasso não significa que Deus o abandonou, significa que talvez Deus tenha uma idéia melhor para você.

Elimine o medo do fracasso e prossiga!
Sucesso é uma questão de não desistir. O fracasso é uma questão de desistir cedo demais.
O fracasso pode ser um motivador se dele tiramos uma lição.

Extraído do livro Insight 1 de Daniel Carvalho Luz.
Para adquirir este e outros livros do autor acesse http://www.primeiroprograma.com.br/

23 de mar de 2009

Olha a conta!

Saudações saudáveis a todos!

A semana que passou foi um tempo de reflexão sobre muitas coisas, entre elas a minha coragem de tocar num assunto publicamente, ou não. Sabe como são os homens, sempre reticentes.

Ponderei, venci o preconceito e resolvi escrever pensando no compromisso que tenho comigo mesmo de mostrar como a obesidade é realmente prejudicial à saúde, indo além do aspecto aparente.

Na segunda-feira passada tive uma surpresa desagradável: Hemorróida – mais precisamente um Trombo Hemorroidário. Que coisa doída! Parece que estou o tempo todo com um espinho no fiofó.

Fui ao proctologista, comecei um tratamento e daqui a 30 dias farei uma avaliação para ver a necessidade de uma cirurgia.

Lendo sobre o mal nos fundilhos, constatei as possíveis causas:
  • Dificuldade de evacuação
  • Gravidez, parto, fase pré – menstrual do ciclo
  • Factores alimentares
  • Posição sentada durante muitas horas
  • Obesidade: o excesso de peso também aumenta a pressão nas veias abdominais
  • Obstipação, vulgarmente conhecida como prisão de ventre
  • Gravidez: em virtude da pressão que o feto exerce sobre as veias da parte inferior do abdome
  • Vida sedentária: diminui o estímulo para a digestão dos alimentos e a irrigação sanguínea do ânus
  • Componente genético: casos de hemorróidas na família podem indicar predisposição para desenvolver a doença. O inverso também é possível, isto é, desenvolvimento de hemorróidas sem que haja precedentes familiares
  • Dieta pobre em fibras e pequena ingestão de líquidos
Os anos de sedentarismo, obesidade e má alimentação estão cobrando a conta. Mas, quando me levantei pra brigar não achei que seria fácil e estou disposto a encarar.

Vamos em frente!
Novo peso 109,2

16 de mar de 2009

Novo Peso

109,6

~ ~ ~ **** ~ ~ ~

Na sexta-feira comecei meu tratamento com acupuntura e auriculoterapia. Não é bicho de sete cabeças. As agulhas são finíssimas e em 1 minuto (em média) elas param de incomodar. O que é melhor e a sensação de relaxamento. Quanto aos efeitos, ainda é cedo para avaliar e posteriormente eu relato.

~ ~ ~ **** ~ ~ ~

Que bom receber visitas e comentários no meu blog. Me sinto tão prestigiado!
Muito obrigado, mesmo!

12 de mar de 2009

Comemorando 3 meses

Hoje comemoro três meses que tomei a decisão de mudar o rumo da minha vida.

Novos sabores, novos prazeres, novas pessoas com histórias antigas, já experimentadas por mim, e que suscitam a empatia e o desejo de estender a mão ao mesmo tempo em que busco compreensão.

Novos sentimentos que, por insistência e consciência da necessidade, se instauram lentamente e se contrapõem aos operantes, maléficos, persistentes, aos fundamentados desde a tenra idade distorcendo meus valores, subestimando minhas capacidades e (des)governando minhas relações.

Esses noventa dias foram suados (literalmente). Às vezes me pego travando um diálogo com o meu desejo de comer, que é diferente de ter fome (ainda não sei distinguir precisamente). Pergunto o que está me provocando essa vontade. Nem sempre consigo encontrar a reposta, mas, persisto em entender, domar e destronar esse Tiranossauro Rex.

11 de mar de 2009

Aventuras Culinárias

Matando a saudade de postar minhas aventuras gastronômicas. Elas têm ficado para os finais de semana, pela falta de tempo durante a semana.

Um café da manhã:

> Leite desnatado com farinha de linhaça, farelo de trigo e aveia.
> Pêra (óbvio..rs)
> Pão integral light recheio de azeite, abacate e molho shoyo. Cobertura de requeijão.

Até comi mais devagar para demorar a acabar.

Almoço:

> Macarrão com molho feito com lentilha, aveia, molho pronto (tipo Tarantela da Arisco) e queijo magro ralado.
> Salada de azeitona, tomate (colhido no pé que meu filho plantou junto com a vovó), cebolinha em conserva, mortadela de frango, azeite e orégano.
Meu Deus! Deixou saudade.

10 de mar de 2009

Atualizando o peso

110,5
Com a grande força de Deus e ao valoroso incentivo que encontro nesse universo virtual/real/internacional/multiétnico/multireligioso/agnóstico/multicolorido...da blogsfera light.

~~~~~ *****~~~~~

Lendo um artigo sobre a acupuntura e a obesidade, pincei alguns trechos. Tô pensando em levar algumas agulhadas...rs

Estudos realizados na Alemanha constataram que, quando o excesso de peso de uma pessoa ultrapassa 10%, o seu período de vida é reduzido em 18% e quando esse excesso supera os 30%, o tempo de vida diminui drasticamente para 50%.

Entre as doenças mais comuns causadas pela obesidade estão: arteriosclerose, envelhecimento precoce, celulite, infarto do miocárdio, hipertensão arterial, distúrbios de ordem emocional, etc.

A Medicina Chinesa indica uma alimentação farta em cereais, legumes e verduras e pobre em enlatados, gorduras, carnes e produtos industrializados. Também aconselham a não misturar proteínas e carboidratos na mesma refeição. O objetivo é facilitar ao máximo o processo digestivo, desintoxicar o organismo e aumentar a eliminação.

Quando o organismo está em harmonia, não guarda substâncias indesejáveis.

A beleza exterior também depende da beleza interior. Se a pessoa não estiver emocionalmente equilibrada, não terá harmonia.

4 de mar de 2009

Remédios que eu tomo

Sei que todos que estão em fase de emagrecimento (para o Lobo é desengordamento...rs) ou ainda aqueles que já alcançaram sua meta, são abordados por amigos e parentes com a célebre pergunta: “... o que você está tomando?”, “Tá de dieta?”. Minha resposta é sempre a mesma: Estou fazendo Reeducação Alimentar. Mas, aí vêm novamente: “Entendi... mas, o que você está fazendo?”. Sei que por trás da pergunda está: “qual é o medicamento que vc está usando?” Então, resolvi revelar o que ando tomando:


Consciência de que obesidade é uma doença que precisa ser encarada como tal. Ela se desenvolve em cada indivíduo por motivos particulares. Não quero entrar no mérito, nem tenho subsídios científicos para isso. No Brasil, em 1989, 32% da população adulta era obesa, em 2008 o percentual subiu para 40,5%. Eu estou incluído nesses números há muito tempo.


Atitude
de enfrentar esse mal que me priva de viver, de participar do crescimento dos meus filhos, de executar tarefas simples e que me faz passar por constrangimentos diversos. Essa doença traz consigo outras tantas. Doenças do corpo e da alma.


Tomo também um comprimido que expande os horizontes: a – que é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem. Minha fé não é infundada ou baseada no efêmero do ter e, sim, do ser. Acredito que exista um só Deus soberano que faz questão de se relacionar com cada um de nós de modo singular, fazendo de nós sua morada. E eu, como indivíduo cheio de falhas e incertezas, carrego em mim um Ser que me ajuda a pensar antes de comer e quando “como errado”, me mostra o que ocasionou o erro.


Paciência
para ver os resultados. Costumo dizer que a obesidade está instalada em mim há muitos anos e não vai ser tão rápido que ela vai embora. Preciso ter paciência comigo mesmo, para me conhecer e saber detectar minhas ansiedades e buscar resolvê-las de maneira saudável e não na comida.


Perseverança
. Não posso me desanimar com minha “falta de educação alimentar”. Estou num processo de aprendizado que mudará (e tem mudado) muitas coisas. Preciso ser constante, sem pressa e para sempre, e não afoito e descontrolado. Perseverar é conservar a minha força, minha ação e meu alvo.


Às vezes alguns desses comprimidos perdem a força dentro de mim. Mas, a sempre um novo dia, até o fim de nossos dias.

2 de mar de 2009

Nova meta

É... o saldo do carnaval foi positivo. Voltei com 800 gramas a mais na bagagem, mas, dá-lhe caminhada e exercícios... Consegui fechar o mês com 111,9. Maravilha!!!

Na semana que passou notei que meu corpo ficou pesado (é uma sensação estranha). Acho que era ressaca da má alimentação do carnaval: comia 4 vezes por dia com espaços longos e não tinha muita opção. Mas, comi feliz, sem culpa na consciência (tenho exercitado isso). Além disso, foram dias sem atividade física. Então, na quinta-feira retomei e a caminhada e a endorfina age como um bálsamo. Impressionante como funciona. Começo a admirar a vida, as pessoas, os lugares...

Tenho tido dores na panturrilha e fiquei muito preocupado. Informando-me sobre isso, li que o stress dos músculos pode causar dores. Às vezes, faço caminhadas duas vezes por dia (6h às 7h e 18h às 19h). Então, vou reduzir o esforço físico para dar uma trégua para os músculos, afinal são 111,9 quilos. Ainda é muita coisa para se mover por aí. Tenho caprichado nos alongamentos (antes, durante e depois) e usado saco de gelo, assim que chego em casa e tem sido muito bom. Por esse motivo, repensei minha meta para o mês de março. Estabeleci uma média de 900 gramas por semana. Eliminar sem pressa e para sempre!

Agradeço os comentários feitos no post anterior sobre as mudanças com o emagrecimento. Foi muito inspirador, para todos.

Vejam essa matéria na Isto É dessa semana:
Menu inteligente
A ciência comprova que a comida certa tem o poder de aumentar a capacidade de raciocínio, aprendizado e memória